NOTÍCIas
 
“Nós temos que pensar o Paraná para daqui a 30 anos”, defende Malucelli

 
O pré-candidato ao governo do Paraná pelo PSD, empresário Joel Malucelli, propôs nesta quinta-feira, em Cascavel, a criação de “uma fábrica de projetos” com o objetivo de debater e apresentar propostas que contemplem um planejamento de longo prazo para o desenvolvimento do estado. “Nós temos que pensar o Paraná para daqui a 30 anos. Temos sete Universidades estaduais que podem contribuir muito nesse trabalho”, afirmou.
 
Esta foi uma das ideias apresentadas pelo pré-candidato a governador ao projeto “Pense um Novo Paraná”, criado pelo PSD no final do ano passado para elaborar o plano de governo do partido a ser debatido na campanha de 2014. No primeiro encontro regional do ano, o PSD também retomou o debate interno sobre o lançamento de candidato próprio a senador – cujo nome apresentado é do deputado federal Eduardo Sciarra, ex-líder da legenda na Câmara –, além de definir a chapa de pré-candidatos a deputado federal e estadual da região.
 
“Não sei se as minhas ideias serão aceitas no plano de governo. Mas, como pré-candidato, me sinto no direito de dar os meus palpites”, disse Malucelli. Entre eles, o empresário reafirmou a necessidade de reduzir de 23 Secretarias hoje em funcionamento na máquina estadual para apenas 12 órgãos de primeiro escalão. “Acho que é possível melhorar o que está aí”, resumiu.
 
“O Paraná precisa retomar o orgulho de ser um estado modelo como sempre foi”, discursou Malucelli para os cerca de 300 filiados ao partido, entre prefeitos, vice-prefeitos, vereadores, lideranças e militantes. “O Paraná era conhecido porque tinha governadores que faziam 4 mil quilômetros de estradas em um mandato. Nos últimos doze anos, não se fez a duplicação nem de 100 quilômetros”, comparou.
 
“O Paraná hoje não tem dinheiro, nem projetos. E, mesmo que tivesse dinheiro, não teria projetos”, disse. “É preciso mudar a cara do Paraná, a cara da política no Paraná. Um governador não pode assumir pensando na reeleição no primeiro dia de mandato”, disse. “Por isso, defendo um planejamento de longo prazo”, explicou. Nesta sexta-feira (21), Malucelli e Sciarra cumprem agenda em Foz do Iguaçu, onde também realizam um encontro regional.
 
Com os dois encontros, o partido começou a definir a chapa de pré-candidatos à Assembleia Legislativa e à Câmara dos Deputados. De acordo com Eduardo Sciarra, presidente da Executiva Estadual do PSD, o lançamento de candidatos próprios a governador e a senador deverá privilegiar a eleição do maior número possível de candidatos das eleições proporcionais. “Queremos eleger de três a quatro deputados federais, e de cinco a seis deputados estaduais”, anunciou Sciarra.
 
Assuntos: PSD, Paraná, Eleição 2014, Cascavel,